Notícias
Reunião no Gabinete discute a Traumatologia em Caçapava do Sul


Aconteceu nesta terça-feira (19) uma reunião no Gabinete para discutir os serviços de traumatologia em Caçapava do Sul, atendidos pelo Hospital Dr. Victor Lang.


Na ocasião, o Prefeito Giovani Amestoy se reuniu com a Secretária da pasta, Inês Salles, Maria Geni (Responsável pela regulação), com a Secretária Geral, Cássia Freitas, a diretora do Hospital, Maria Helena Machado e com o Vereador José Sidnei Menezes (Pirola), que tem essa pauta em evidência. Eles discutiram as cirurgias da traumatologia, que são agendadas pela Secretaria e realizadas em outro município.


De acordo com a Secretaria de Saúde, existe uma fila de espera de quase 30 pacientes, que são de alta complexidade, é que é regulada (agendada a cirurgia) de acordo com o Hospital, de Encruzilhada, credenciado pelo Estado para realizar a cirurgia pelo SUS. A Secretaria informou que há um pedido na Coordenadoria de Saúde do Estado para que o atendimento de traumatologia seja feito no Hospital.


O prefeito disse ainda que tem interesse em que o atendimento dos pacientes seja em Caçapava, mas que isso depende da autorização da Coordenadoria, do contrato com o Hospital e da regularização do Estado com referência aos repasses destinados às Saúde. De acordo com Amestoy, o Estado deve mais de R$ 1 milhão somente para a Saúde de Caçapava.


O Hospital tem uma série de fatores para analisar e para que possa se credenciar e ver se há viabilidade, disse Maria Helena:

“Não adianta só o Hospital entrar com bloco cirúrgico e internação, a Secretária de Saúde do Estado, que deve credenciar o Hospital para prestar o Serviço, exige laboratório e o Hospital não tem, teríamos de construir, além de contratar dois médicos traumatologistas. Outra questão é a compra de órteses e próteses, que são materiais caríssimos e o SUS se propõem a pagar, porém não paga e a dívida fica para o Hospital, responsável pela compra do material para prestar o atendimento”, disse Maria Helena.


Ela deu como exemplo ainda a Santa Casa de Rio Grande, que também fez o credenciamento recentemente: “A Santa Casa quebrou, não conseguiu manter o atendimento, pois o Estado não está cumprindo com sua dívida da Saúde com os Municípios e Hospitais”. Maria Helena citou, ainda, a prestação de serviços do Hospital com a maternidade e o município de Lavras:


“Nós nos credenciamos na coordenadoria e desde dezembro de 2018 fazemos aqui os partos, com a promessa e contrato de que o Estado repassaria mais recursos para esse fim, o que ainda não foi cumprido. Ou seja, há três meses, pelo menos, nós, Hospital, pagamos essa conta”.


A diretora do Hospital disse que a promessa de regularizar os atrasados já havia sido feita em julho do ano passado pelo Governo do Estado e que ainda não foi cumprida. E que o atual Governo, de Eduardo Leite, já está atrasando os pagamentos.


O Prefeito solicitou ao Hospital a direção do Hospital um estudo financeiro e projeto para que seja analisada a criação de um centro traumato e sugeriu ao vereador, também proponente da demanda, que as forças políticas de Caçapava se unam para buscar emendas para criar a construção da sala de traumatologia.


Amestoy disse ainda que a Secretaria de Saúde também vai fazer uma análise dos custos de transporte de pacientes e estudar remanejar servidores da Saúde para ajudar neste atendimento, caso seja criada a ala de traumatologia, assim como já ocorre com a de oftalmologia.

Publicado em 19/03 11:52
Últimas notícias
 Vigilância Epidemiológica do Município esclarece caso suspeito de meningite
 Caçapavanos no mundo: Alunas e professora da rede municipal embarcam para o Chile
 Comunicamos com pesar o falecimento de Zeno Dias Chaves
 A Secretaria de Agropecuária, Indústria e Comércio (Seagropic) entrega etiquetas
 Prefeito e vereadores discutem melhorias com moradores das Minas do Camaquã
 Creche da Vila Henriques está em fase final de construção
 Compir promove encontro de Educação, Patrimônio e Negritude
 A Secretaria de Obras, realiza podas
 A Equipe de Saneamento Básico da Secretaria de Obras de Caçapava do Sul, efetuou diversos serviços pela cidade.
 CMT de Caçapava do Sul realiza reunião